segunda-feira, 9 de julho de 2012

O desafio da saia franzida

Outro dia conheci o Clubinho da Costura: um grupo de costureiras que periodicamente se propõem desafios e que compartilham o passo-a-passo deles. O último foi o da saia franzida e eu, empolgada e megalomaníaca, resolvi fazer A saia franzida, hahahahaha. Presstenção na belezura:


Devo confessar que em um determinado momento do processo, esbocei um arrependimento, mas logo passou porque eu tinha certeza de que ficaria linda!

Eu nunca havia feito patchwork antes, não sei se fiz tecnicamente correto, mas isso pouco me importou. Eu estava decidida. Além de tudo, queria muito guardar como lembrança as estampas da Milonga do último ano. =)

Então vou tentar explicar como foi a confecção dessa saia, mas aviso aos navegantes: dá trabalho, fia.

Camadas da saia

Para começar, cortei os quadradinhos.
Escolhi o tamanho de 15X15cm. Mas acho que deveria ter feito uns 2 centímetros a mais, para ficar um pouco mais comprida. A quantidade de quadrados para cada camada eu escolhi aleatoriamente. A única coisa que eu tinha certeza é que a primeira camada não poderia ter muitos quadrados, pois o cós poderia ficar muito franzido.


** Nega, vou dizer: já na hora de cortar eu entendi o tamanho do andor. Minha admiração às patchworkeiras, ô trem que dá trabalho! Nossa, passei umas duas horas cortando quadradinhos.

Então comecei a costurar uns nos outros, por camadas.


Lembre-se de costurar do avesso, posicionando lado direito com lado direito.


Faça todas as camadas separadamente, sem costurar uma na outra. Essa observação é importante, poque antes de costurá-las, vamos franzir cada uma.


Franzir não é tão difícil quanto parece. Aqui tem um ótimo tutorial de como fazer sem erro. O importante é medir o tamanho da camada anterior para saber até que ponto puxar a linha, pois o franzido deverá encaixar direitinho na parte não-franzida da camada de cima. o.O (?)
** O ideal é que você faça duas costuras bem largonas para o franzido, para não ter perigo da linha arrebentar. Mas eu acabei fazendo uma . =b


Então comece a costurar uma na outra. Eu comecei por cima, mas acho que não tem muita ordem. Primeiro alfinetei e alinhavei para só então costurar (ou seja, alfinetei e alinhavei mais de 40 metros!). #doidavarrida


Como não tenho overlock, fiz todo acabamento com barra simples, inclusive as laterais e as emendas.

Então, a saia foi tomando forma! Já estava há mais de 10 horas no ateliê, mas nesse momento não contive minha ansiedade e resolvi fazer o cós de elástico, que não demora tanto assim.

Cós

1. Cortei retângulos de 15 X 9 cm com estampas com fundo branco ou bege.
2. Emendei uns nos outros, no mesmo processo das camadas da saia.
3 e 4. Com ajuda do ferro de passar, fiz uma espécie de viés (dobrei-o ao meio, depois dobrei cada ponta até a metade do retângulo).
5 e 6. Esse "viés" vai abraçar a camada inicial da saia. Ou seja, a parte franzida da camada amarela vai entrar entre as duas metades do viés. Alfinete.
7. Alinhave. **Importante: não deixe de alinhavar, pelo menos nesse momento! É muito fácil errar a costura aqui.


8. Costure bem na beirinha do cós (lembre-se de deixar a aberturas para passar o elástico).
9 e 10. Com ajuda de um grampo de cabelo (ou do que você achar melhor), introduza o elástico dentro do cós.
11. Costure as pontas do elástico nas aberturas do cós.

Daí é só unir as laterais e vesti-la! 


Foi então que a beirada da saia começou a querer girar e eu não resisti e entrei na roda.


Amo!







Você poderá gostar de

51 comentários:

  1. adoro ver a sua desenvoltura nas fotos! e a saia ficou show, camila! parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha, Bárbara, eu já nem tenho mais vergonha, me divirto!

      Excluir
  2. Camila, você é louca! =)
    Eu adoro patchwork e essa saia ficou linda! Depois disso, pode começar a fazer mantas e colchas, que você vai tirar de letra.
    Um abraço,
    Andréa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andréa, receio de que isso seja verdade, hahahaha.
      NOssa, vou ter de dar um tempinho do patchwork, deu muito trabalho!

      Bj

      Excluir
  3. E quando eu penso que já li tudo qnto é blog...eu encontro vc...
    A-M-E-I! enquanto não ler de cabo a rabo isso aqui não consigo ir embora!
    inspiração p/ min que acabei de comprar minha maquina de costura..e que esta ali paradinha coitada!!!
    Beijosss Parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Nayara, fico muito feliz com isso! Seja sempre bem-vinda aqui.

      Vamos colocar sua máquina pra funcionar, vc não vai se arrepender!

      Bj

      Excluir
  4. Sou louca por saias rodadas...faço dança popular há 6 anos e posso até montar um clube das "totalmente, perdidamente apaixonadas por saias rodadas e coloridas"...rsrsrsrs....a sua idéia é ótima, parabéns !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cláudia, tou dentro do seu clube com certeza!
      Também fiz arte de uma grupo de dança popular, o FLor de Babaçu, e acho que essa paixão começou lá!

      Que danças vocês fazem?

      Excluir
    2. Dançamos coco, jongo, frevo, maracatu, ciranda, cavalo marinho e etc...a Oficina de Danças Populares existe no Circo Voador/RJ desde 2005 e o Grupo Zanzar (www.grupozanzar.com.br) nasceu da oficina. Como a oficina não tem aquela coisa de formação de turma, início, fim, mas é direta o ano todo, misturando alunos novos com antigos, as pessoas vem e vão e umas ficam, assim como eu (que já fui um pouco produtora, fotógrafa, faz tudo)...rsrs...e acabamos formando um grande coletivo, trocamos experiências, grandes amizades se formam, é maravilhoso. Fazemos uma roda de coco toda a última quinta-feira do mês, embaixo dos Arcos da Lapa, na rua. Quando vier ao Rio venha nos conhecer. Ahh, e agora também existe a oficina de ritmos que também nasceu da oficina...é muito bom.

      Excluir
    3. Nossa, Claudia que legal! Quero conhecer sim!
      Eu sei bem como tem força o coletivo por meio da arte. No grupo que eu dancei, o Flor de Babaçu, nós também fazíamos tudo e éramos muito amigos.
      Pelo que vi, as danças de vocês é mais focada em Pernambuco, né? A gente dançava as danças do Maranhão (cacuriá, tambor de crioula, caroço), mas de vez em quando fazíamos um jongo, um coco e uma ciranda. Adorava =)

      Excluir
    4. Confesso que somos meio Pernambucanas sim...rsrsrs...mas já dançamos de um "quase" tudo...se for pra rodar a saia então...

      Excluir
  5. Como seria bom ter tido uma filha assim como você, louca por panos! Só tive homens, mas vou "investir" na neta e, se a genética ajudar, logo terei uma companheira de tecidos, linhas, agulhas e quetais. Sua saia ficou um ES PE TÁ CU LO! Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Marília, eu adoro os tecidos!
      Sua neta será uma menina de sorte!

      Beijos

      Excluir
  6. Que coisa linda de viver!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    eu lendo o post só conseguia pensar na música da roberta sá!

    Ah, Se Eu Vou
    Roberta Sá

    Todo santo dia ela ia
    Ela ia lá me chamar
    Pra dançar coco
    À beirada da saia querendo rodar.

    Pelo jeito dela
    Pelo dengo, pela simpatia
    Se eu caio na roda
    Essa moça pode me segurar.

    Aí ela vai querer que eu deixe de ir pro samba
    Aí ela vai querer que eu não vá na ciranda de Lia
    Aí ela vai querer que eu não saia de perto dela
    E eu olhando pra beira da saia querendo rodar.

    Ah, se eu vou.

    Olha lá: http://www.youtube.com/watch?v=iphlfksCKS8

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, eu pensei nessa música o tempo inteiro! Amo!

      Excluir
  7. Gente, que coisa linda! Vou fazer uma também, seguindo as suas dicas. Só não entendi uma coisa: como eu faço pra saber quantos quadrados colocar em cada camada? =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu simplesmente fiz um chute, Mari. Mas deu certo. =)
      O importante é você saber que precisa aumentar um bocado a cada camada.

      beijos

      Excluir
  8. Tava aqui, admirando sua empreitada e o meu filho caçula passou e disse: "nossa, que mulher bonita"!
    Elogio sincero de menino!
    Bj,
    Ana
    p.s.: a saia também ficou linda!
    ;o)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha, ganhei meu dia!

      Muito agradecida, Ana.

      beijo

      Excluir
  9. Que coisa engraçada e linda... Quando vi a foto, antes mesmo de ler o post... Foi a primeira coisa que me veio em sentido!! Aquela voz cativante da Roberta Sá... Essa música me traz todos os bons sentires... cores, alegria, giros, risos.. Sua saia também fez isso comigo!! Quero eu, estar vestida numa dessas e cair bonito na roda.. e pra rodar!!!

    Parabéns Camila! Coragem a sua!!! Rsrs...

    E obrigada por compartilhar essa belezura!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adoro essa música, Vanessa! Me dá muita vontade de rodar.

      Excluir
  10. Uau, ficou muito linda, Camila!
    Fiquei encantada quando vi no instagram e mais ainda agora sabendo que deu tanto trabalho! Hahaha

    ResponderExcluir
  11. LINDA DEMAIS!!!! =)
    Você é ótima para criar, costurar e distribuir coisas lindas, Mila! Acho tudo encantador! E essa saia, então, parabéns! Beijo!

    ResponderExcluir
  12. Ficou fantástica!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Coisa mais linda desse mundo! Inspirou a comadre aqui ;)

    ResponderExcluir
  14. Ei Camila! Vou fazer uma aquarela da sua foto, tudo bem? Aquela da saia rodando, esta uma lindeza!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau, que legal, Fernanda! Depois você me mostra?

      Excluir
  15. Eu quero uma saia linda-de-morrer igual a essa. COMOFAZ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta seguir esse PAP, Rafa! Boa sorte!

      Excluir
  16. Camila, parabéns!!! Eu amo tecidos, trabalho com encadernação em tecido, e faço patchwork já tem algum tempo e vou dizer uma coisa. Sua saia ficou de babar.
    Fiquei louca de vontade de fazer uma também ...
    Amei!!!
    Você está de parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que delícia de elogio, Cris! Muito agradecida.

      Excluir
  17. DESCOBRI SEU BLOG E AMEI. JÁ SOU UMA SENHORINHA QUE AMA TECIDOS, BOTÕES E AFINS. SUA SAIA FICOU LINDA. PASSEI SEU CONTATO PARA MINHA FILHA, ELA TB ADOROU A SAIA.ESTOU LOUCA PARA FAZER UMA PARA MIM. PARABÉNS E OBRIGADA POR COMPARTILHAR ESSA BELEZA. BJS, MUITA LUZ E PAZ.

    ResponderExcluir
  18. adorei esse blog, pretendo não sair tão já. tudo que tem cor me atrai, essa saia u.u linda de mais, parabéns *-*

    http://artesdabertozi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Linda demais!! vou tentar fazer, so que uma saia mais curta.. rsrs

    ResponderExcluir
  20. Olá Camila! Conheci seu blog hoje e de cara me encantei. Adorei tudo. Estava a procura de um pap de saia em patch e eis- me aqui. Vou confecciona-la para minha filha, ela é contadora de estórias nas horas vagas e há tempos me pede uma saia em patch. Seu Pap está maravilhoso e as fotos perfeitas, mas só fiquei com uma dúvida: gostaria de saber se vc colocou a mesma quantia de quadrados em todas as camadas ou se a cada camada vc aumentou a quantidade para ficar mais rodada. Agradeço se puder me ajudar. Meu e-mail é magasuleiman@gmail.com
    Seu menino é lindo!!! Parabéns!!!
    Bjusss...
    Margareth

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Oi Margareth,

      Muito agradecida pelo comentário.
      Faça mesmo a saia para sua filha, as histórias ficarão ainda mais coloridas!

      Olha, para a saia focar rodada, vc tem que aumentar a quantidade de quadrados po camada, conforme expliquei no passo 1. Olha a imagem do link: http://www.amilonga.com.br/2012/07/o-desafio-da-saia-franzida.html
      Nela dá pra ver quantos quadrados fiz para cada camada.

      Beijos,
      Camila

      Excluir
  21. Olá Camila, fiz a postagem da saia. Dá uma passadinha lá pra ver como ficou.
    Bjusss...e obrigada pelo PAP.
    http://brisaatelie.blogspot.com.br/2013/11/saia-em-patchwork.html

    ResponderExcluir
  22. Oi Camila a culpada por eu estar aqui foi a Brisa Ateliê e tô amando tudo aqui....
    http://ateliecasaepresentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Tenho uma pergunta:
    Depois de unir os quadradinhos de um linha e franzir, costura as extremidades da linha formando um círculo fechado? E depois unimos uns círculos nos outros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tarsila,
      Eu prefiro costurar as extreminades no final, depois de todas as camadas presas uma na outra. Acho beeem mais fácil.
      Mas dá pra fazer dos dois jeitos!

      Depois me manda uma foto da sua saia?

      Beijos

      Excluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  25. Eu e minha mãe fizemos essa saia seguindo seu tutorial *-*
    https://scontent-b-gru.xx.fbcdn.net/hphotos-xpf1/t1.0-9/10516894_300642153443191_833210824565685413_n.jpg
    https://scontent-b-gru.xx.fbcdn.net/hphotos-xpa1/t1.0-9/q71/s720x720/10453318_300642166776523_2564277994222735124_n.jpg

    ResponderExcluir
  26. Eu n tenho palavras pra agradecer o favor de publicar esse passo a passo!!!
    Acho q nem sabe o bem q faz p/pessoas em dividir seu conhecimento.
    Desejo o melhor a vc e grata por "salvar" a minha festa com sua saia!!!

    ResponderExcluir
  27. Amei o passo a passo e ontem conclui minha primeira etapa. postei na nossa página na rede social facebook Arte Griot. queria te mostrar as fotos, ficouuuuu linda a saia.
    beijocas e boa semaaaaaaaaana!!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...